Biro-Biro: “Sei que tenho que esperar”

Foto: Photocamera

Foto: Photocamera

Biro-Biro fica no banco em, praticamente, todos os jogos do Fluminense. Mas dos atacantes, é o menos utilizado. Entrou aos 41 minutos da partida contra o Criciúma, pouco produziu, mas está ciente de que sua chance ainda vai chegar.

- Tenho treinado muito e esperado a minha oportunidade. O Fluminense tem grande atacantes e eu sei que tenho que esperar e me esforçar bastante para buscar meu espaço. Entrei e acho que consegui realizar uma boa partida. Vou trabalhar ainda mais para quando o Cristóvão me colocar eu poder entrar e corresponder – afirmou Biro Biro.

“Pai e filho” se reencontrarão nesta quarta, na Vila Belmiro

2Pai e filho se reencontrarão nesta quarta-feira. Não no sentido literal da palavra, mas Enderson Moreira, técnico santista, e o atacante tricolor Walter mantém uma relação muito próxima. O jogador do Fluminense considera o treinador, que o dirigiu no Goiás, como tal.

- Vou pegar meu pai lá (risos). Aquele, eu posso falar que é meu pai, me ajudou, me conhece bem, me deu confiança. Vai ser um jogo difícil, mas quem sabe. Penso em fazer um bom jogo e vencer – disse Walter.

A recíproca é verdadeira:

- Você ver um atleta voltar é tão gratificante quanto um título. Foi uma junção de fatores, da parte física à emocional, passando também por encontrar um posicionamento para ele em campo. Mas o Walter precisa saber que essa dificuldade com o peso ele vai ter que conviver para sempre – disse Enderson.

Brasileirão: Possibilidades de título, Libertadores e rebaixamento

Apesar da vitória sobre o Criciúma, as chances de o Fluminense disputar a Libertadores em 2015, praticamente, se mantiveram. Subiram de 8 para 9%. Para título, a possibilidade é ínfima, assim como rebaixamento, menores do que 1%. Confira abaixo as contas, de acordo com o site Infobola, do matemático Tristão Garcia:

1

2

3

 

Cristóvão diz que que Fluminense voltou a ser um time com alma

Foto: Photocamera

Foto: Photocamera

A vitória sobre o Criciúma por 4 a 2 devolveu a esperança ao técnico do Fluminense. Ele enxergou uma nova postura da equipe, mais briosa e consciente daquilo que quer daqui para frente.

- O mais importante é que neste jogo contra o Criciúma, o Fluminense voltou a ser um time com alma. Nos bastidores, nós conversávamos e dizíamos que o time precisava se reencontrar. Fomos competitivos, tivemos a velha intensidade e o desejo é de que consigamos manter isso. É a essência deste time – disse Cristovão Borges.

“Se der, a gente chega lá no G4″ diz Biro-Biro

Foto: Photocamera

Foto: Photocamera

A rodada não foi das melhores para o Fluminense. Exceto o Internacional, todos os times da parte de cima da tabela venceram, inclusive o Tricolor. Biro-Biro não desiste da luta por uma vaga entre os quatro primeiros e prega o jogo a jogo;

- Foi uma vitória importante para a gente. Estamos buscando a parte de cima da tabela. É como o Cristóvão fala: temos que estar sempre fazendo o nosso e se der a gente chega lá no G4 – comentou Biro Biro.

Veja as mais acessadas deste domingo

5maislidasconca1 – João Marcelo Garcez: Cuca para reformular

2 – Organizada repudia “atitude autoritária” da direção do Flu

3 – Atuações NETFLU – Fluminense 4 x 2 Criciúma

4 – Ao fim do jogo, tricolores ironizam o Botafogo

5 – Flu terá desfalques importantes para o duelo contra o Santos

Confira os resultados e a classificação do Brasileiro

A vitória sobre o Criciúma por 4 a 2 deu novo ânimo aos jogadores do Fluminense. Mas neste  domingo os resultados não foram dos melhores. Corinthians, Santos, São Paulo e Atlético-MG venceram. A oitava colocação foi mantida, bem como a diferença para o G4: cinco pontos. Veja abaixo os resultados da 29ª rodada e a classificação:

Arte: Globoesporte.com

Arte: Globoesporte.com

Arte: Globoesporte.com

Arte: Globoesporte.com

Flu lança enquete para escolher capa do livro do Casal 20

Com a meta de R$ 150 mil batida, as homenagens a Washington e Assis sairão do papel. O livro, produzido por Dhaniel Cohen e Heitor D’Alincourt, deverá ser uma das primeiras ações e, por isso, o Fluminense já lançou enquete para que o torcedor escolha a capa da obra. Confira abaixo e clique aqui para participar.

1

2

 

3

Pouco utilizado, Biro-Biro defende técnico do Fluminense

2Corriqueiramente, o treinador do Fluminense, Cristóvão Borges, relaciona Biro-Biro para o banco de reservas. Em raras oportunidades o jovem é utilizado, como no sábado, na vitória sobre o Criciúma. Pedido pela torcida em quase todos os jogos, Biro sai em defesa do técnico.

– O Cristóvão é um treinador experiente e escala o time da melhor maneira. Quero ser útil e ajudar o Fluminense. A gente sabe que o futebol é assim. A gente precisa estar sempre muito bem preparado para quando entrar em campo poder ajudar – disse.

Walter crê em um 2015 diferente para si

Foto: Photocamera

Foto: Photocamera

De principal jogador do Goiás a “mais um” no Fluminense. Walter sabe que sua condição, em comparação a 2013, é bem diferente. Não reclama, mas espera que a próxima temporada seja mais proveitosa.

- – Minha vida sempre foi cobrança. Muita gente fala, mas é difícil sair do Goiás e vir para o Fluminense. No Goiás, eu era o principal jogador, sempre jogando. No Fluminense, não tem um ou dois. São 10, 11, 20 jogadores. É meu primeiro ano ainda, tenho mais um ano de contrato, o futebol muda muito rápido. Tem tudo para dar certo – torce o atacante.